Care Club – Health Center | Centro de Saúde | Medicina, Fisioterapia, Nutrição, Treinamento, Spa e muito mais

A importância da Microbiota Intestinal para a saúde

O que é a microbiota intestinal?

Chamamos de microbiota intestinal o conjunto de microorganismos, formado principalmente por bactérias que habitam o nosso intestino.
Desde crianças temos tendência a aprender que bactérias são algo “ruim”, “sujo”, nocivo. Mas a maioria dos nossos microorganismos são bactérias benéficas à nossa saúde, chamadas de “boas bactérias”.

Outros microorganismos como fungos e vírus também estão presentes em nosso organismo, mas do ponto de vista nutricional, as bactérias são os microorganismos mais importantes para a discussão que iremos fazer.

Essas bactérias possuem funções vitais para nossa saúde, bastante associadas à nutrição, como por exemplo:
Participam da metabolização de minerais como Cálcio, Ferro e Zinco;
Possuem a capacidade de metabolizar compostos químicos que neutralizam substâncias prejudiciais ao organismo, conhecidas como radicais livres.
Atuam no fortalecimento do sistema imunológico;

Por isso, quando temos menos bactérias “boas” do que deveríamos no nosso intestino, a nossa microbiota intestinal entra em desequilíbrio, resultando em diversas alterações e problemas intestinais;
Isso acontece porque as boas bactérias são protetoras do nosso intestino, agindo como “um cão de guarda”: quando estão posicionadas corretamente e em quantidade suficiente, impedem que bactérias nocivas causem problemas para nossa saúde.

Quando ocorre esse desequilíbrio, em que há maior predominância de bactérias ruins (nocivas à saúde) em relação às boas bactérias, denominamos o quadro de disbiose intestinal.
Os problemas ocasionados por desequilíbrios na microbiota intestinal são muitos; na maioria das vezes resultando em má absorção de nutrientes que consumimos por via alimentar, já que é no intestino que ocorre a maior parte da absorção de nutrientes;

Nesses casos, é muito comum o surgimento de sintomas extremamente desconfortáveis do trato gastrointestinal, como constipação, flatulências, cólicas abdominais e alterações na consistência das fezes (como diarreia);
Além do mais, a saúde da microbiota intestinal é alvo de estudo da ciência há vários anos, de maneira que diversas correlações entre o intestino e outros sistemas do nosso organismo foram encontradas, principalmente correlações associadas ao nosso bem-estar.

Como a correlação a seguir:

90% de toda a serotonina do corpo, neurotransmissor associado às vias de humor, é produzida no intestino, sendo prejudicada por uma microbiota desequilibrada.
Já notou que tendemos a ficar irritados e/ou indispostos quando a nossa “barriga” não vai bem?

Então, que alimentos podemos consumir para contribuir com a saúde da microbiota intestinal?
Fibras de todos os tipos (solúveis e insolúveis), frutas e vegetais; grãos integrais;
Alimentos com probióticos (aqueles que possuem microorganismos vivos) – Kefir, iogurtes e leites fermentados (como Yakult).
● Além da obtenção de uma hidratação adequada;

E que alimentos devemos evitar, para manter a saúde do nosso intestino?
● Devemos evitar o consumo excessivo de alimentos industrializados;
● Embutidos, como presunto e salsicha;
● Gorduras saturadas em excesso → são responsáveis por desestabilizar a nossa microbiota;
● Além disso, o uso crônico de álcool e fumo, uso frequente de antibióticos e
elevados níveis de estresse também são prejudiciais;

por,
Brendha Ferreira Henrique
Nutricionista graduada pela UFRGS e pós-graduanda em nutrição esportiva
CRN2 17647

CLIQUE AQUI para mais informações e agendamentos de consultas

Saiba mais sobre os serviços de Nutrição da Care Club

Para ficar sempre atualizado sobre os conteúdos produzidos por nossos especialistas, cadastre seu e-mail abaixo:

ARTIGOS RELACIONADOS

Nutrição

Como reduzir os sintomas da TPM

a tensão pré menstrual ocorre na fase lútea tardia (~1 semana antes da menstruação) e engloba uma série de sintomas, sinais e alterações comportamentais, psicológicas e emocionais. De acordo com OMS: 90% das mulheres demonstram sintomas de TPM.

SAIBA MAIS »
Futebol

Dicas para não se lesionar no Futebol

Os chamados “atletas de fim de semana”, ou seja, aquelas pessoas que não costumam praticar exercícios regularmente durante a semana, mas geralmente participam de algum joguinho no fim de semana, devem se atentar a alguns erros comuns e evitá-los para melhorar sua saúde em geral.

SAIBA MAIS »